Linda Hill: Como gerir a criatividade coletiva

LINDA HILL LINDA HILL Foto: TED.com
Publicado em Palestras
Lido 184 vezes

Professora e diretora dos programas de lideranças da Escola de Negócios da Universidade de Harvard e eleita uma das 50 pensadoras mais influentes do mundo, Linda Hill tratou, em palestra no TedXCambridge, de como grandes empresas e líderes capacitam a criatividade de muitas pessoas. Na apresentação, feita em setembro de 2014, a palestrante declarou que é etnógrafa e que fez uso de métodos antropológicos para compreender as questões pelas quais se interessa.

Por quase uma década, juntamente com mais três pessoas, Linda Hill observou de perto líderes de inovação excepcionais. “Nós estudamos 16 homens e mulheres, em sete países ao redor do globo trabalhando com 12 indústrias diferentes. No total, passamos centenas de horas no local, vendo esses líderes em ação. Acabamos com páginas e mais páginas cheias de anotações que analisamos e buscamos por padrões nas ações dos líderes. A conclusão disso? Se queremos construir organizações que podem inovar constantemente, devemos desaprender nossas noções convencionais de liderança”, detalhou.

A professora ressaltou que a inovação não está relacionada com genialidade solitária, mas sim com genialidade coletiva. Ela usou como exemplo a produção de um filme da Pixar Animation Studios, empresa de animação digital norte-americana. “Nenhum gênio solitário ou um lampejo de inspiração produz um filme daqueles. Pelo contrário, leva cerca de 250 pessoas e de quatro a cinco anos para fazer um desses filmes”, explicou durante a palestra.

Para Linda Hill, os indivíduos em organizações inovadoras aprendem a perguntar, a ouvir ativamente e também a defender seu ponto de vista. “É uma descoberta guiada para a aprendizagem onde você age, em vez de planejar o seu caminho para o futuro. É um pensamento planejado, onde você tem uma combinação interessante do método científico com o processo artístico”, avaliou.

Antes de concluir a apresentação, a palestrante ponderou que, se as pessoas querem inventar um futuro melhor, é necessário que seja repensado o modo de como fazê-lo. “A nossa tarefa é criar o espaço onde as porções de genialidade de todos possam ser desencadeadas, aproveitadas e transformadas em obras de genialidade coletiva”, disse.

Assista abaixo ao vídeo completo da palestra.

TED.com
Última modificação em Sexta, 23 Junho 2017 19:34
Graciete Brito

Graduada em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, e pós-graduada em Assessoria de Comunicação pela Faculdade de Ciências Sociais e Tecnológicas - FACITEC. Foi estagiária em veículos como Revista Foco, Jornal da Comunidade, TV NBR e jornalista com atuação em assessoria de imprensa de entidade sindical e agência de marketing.

 

Estamos no Facebook