Curso:
agosto 12, 2022
Artigos e Entrevistas Noticias

Câmara homenageia os 74 anos da criação do PTB em sessão solene

A Câmara realizou nesta quarta-feira (15/05) solenidade em homenagem aos 74 anos da criação do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), que foi fundado em 15 de maio de 1945. Requerida pelo líder do PTB na Câmara, Pedro Lucas Fernandes (MA), a homenagem foi realizada no Plenário Ulysses Guimarães e contou com a participação do presidente nacional do partido, Roberto Jefferson, dos atuais e ex-deputados federais, de deputados estaduais, de dirigentes, da presidente do PTB Mulher, Graciela Nienov, do presidente da Juventude do PTB, Pedrinho Chaves, e demais lideranças do PTB e de outras agremiações.

Após a exibição de um vídeo institucional sobre as bandeiras e as ações desenvolvidas pelo PTB nos últimos anos, o deputado Pedro Lucas Fernandes, que presidiu a sessão, leu a mensagem do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que destacou o compromisso do PTB com os trabalhadores e com o Brasil.

“O PTB nunca traiu os compromissos com os direitos e o bem-estar do trabalhador brasileiro, princípios que inspiram sua fundação. Poucas siglas no país podem exibir no seu histórico uma participação tão antiga e tão marcante na política nacional. O PTB não é apenas um patrimônio do trabalhador, ele é referência na nossa história partidária como atento defensor de todos os brasileiros. É uma agremiação que tem a longa folha de serviços prestados à nação, tanto no Legislativo quanto no Executivo”, afirmou Maia.

Ao agradecer ao líder e à bancada na Câmara pela realização da solenidade, o presidente Roberto Jefferson iniciou seu discurso ressaltando o trabalho de Getúlio Vargas e do PTB pelo desenvolvimento social e crescimento econômico da nação brasileira, criando obras que se perpetuam até os dias de hoje e que garantem o bem-estar de milhões de cidadãos. De acordo com ele, Getúlio e o PTB são os responsáveis pela “base estrutural daquilo que é o Brasil moderno de hoje encarna”.

“Além de sermos os responsáveis por construir o Brasil moderno que todos conhecemos, fizemos com que o cidadão brasileiro, em especial o trabalhador, tivesse voz e vez, adquirindo direitos até então impensáveis de existir nessa nação em tempos anteriores e inserindo-o na vida do país, nas esferas social, política e econômica”, acrescentou.

Geração de emprego e renda

Roberto Jefferson disse em seu pronunciamento que o foco do PTB “sempre foi e continua sendo” buscar e trabalhar por medidas que visem a geração de emprego e renda, e por medidas que façam com que homens e mulheres possam entrar no mercado de trabalho e garantir o sustento e a sobrevivência de suas famílias. Com esses objetivos, lembrou Jefferson, o PTB assumiu o Ministério do Trabalho, em maio de 2016.

“Naquele ano, podemos dizer que voltamos às origens, e com a missão de consolidar o compromisso do PTB com o trabalhador, buscando medidas que propiciassem geração de emprego e renda, já que, naquele ano, o Brasil passava por sua maior crise social e econômica. E não existe país rico com povo pobre”, declarou Roberto Jefferson, que ressaltou o papel do PTB na reforma trabalhista.

“Construímos uma proposta firmada na consolidação de direitos, na segurança jurídica e na geração de emprego. Levamos o Brasil rumo ao futuro, buscando garantir igualdade de condições para os brasileiros, a fim de que o trabalhador pudesse escolher, por meio dos acordos coletivos de trabalho, a forma mais proveitosa de desfrutar os seus direitos. O PTB não somente atualizou as relações de trabalho. O PTB atualizou o Brasil”, acrescentou o presidente.

Justiça social

Ao concluir seu discurso, Roberto Jefferson enfatizou que, passados 74 anos de história, o PTB continua sendo um partido reformista, à frente de seu tempo, e que permaneceu leal ao seu nome, ao seu legado e aos seus princípios. Disse ainda que se sente feliz por constatar o trabalho feito por todos os membros que integram as fileiras do partido para que esses “ideais se tornem reais e façamos que a imagem do Cruzeiro do Sul de nossa bandeira resplandeça e brilhe cada vez mais forte”.

“Quero conclamar nossos deputados, prefeitos, vereadores, dirigentes e os 1.191.067 filiados em prol de novas medidas, para que outras legislações sejam atualizadas e, assim, promovam ao setor empreendedor condições de gerar mais vagas de emprego e renda para os que trabalham no nosso Brasil. Justiça social, para nós do PTB, é dinheiro no bolso do trabalhador”, encerrou.

Mulher

Ao ressaltar o legado trabalhista e a liderança de figuras como Getúlio e Ivete Vagas e de Roberto Jefferson, a presidente nacional do PTB Mulher, Graciela Nienov, afirmou ter orgulho de pertencer às fileiras petebistas, já que “construímos o futuro respeitando o passado e a história”.

“Um partido que consegue respeitar a sua própria história, dando atenção e importância aos acontecimentos passados, mas mantendo um olhar atento à modernidade e à renovação, unificando tudo isso em um projeto de país, esse sim é um partido que pensa de verdade no povo brasileiro”, salientou.

“Sei que podemos não mudar o mundo, mas estamos sempre focados em transformar vidas. No PTB, respeitamos o próximo e entendemos a dor dos outros, não julgamos ninguém e trabalhamos para fortalecer nossa nação”, completou Graciela.

Na ocasião, a líder do movimento feminino da sigla aproveitou para agradecer o apoio das mulheres para o fortalecimento do PTB como agremiação partidária. Segundo ela, sem as mulheres, o PTB seria “somente mais uma sigla, mas com vocês, somos uma família”. E encerrou: “Ser petebista é saber que carregamos a responsabilidade de representar o melhor e maior partido que já existiu nesse país”.

Juventude

Em seu pronunciamento, o presidente nacional da Juventude do PTB, Pedrinho Chaves, salientou que, passados 74 anos, o PTB continua sendo um partido conectado com as demandas populares, sendo uma “ponte de diálogo” entre os que mais precisam com os governantes. Além disso, disse que, se o PTB fez história e chegou consolidado aos dias de hoje, é graças ao empenho de todos os dirigentes (municipais, estaduais e nacionais), parlamentares e demais lideranças.

“Um partido deste tamanho e com essa história é construído a muitas mãos. É preciso valorizar os dirigentes dessas estruturas partidárias, que se preocuparam em debater e participar ativamente na discussão de propostas que iniciaram nas instâncias internas do partido e que viraram decretos, leis, políticas públicas, programas de governo país afora e que certamente transformaram a vida de milhões de brasileiros há gerações”, enfatizou.

Pedrinho ressaltou também o trabalho feito pela Juventude do PTB ao longo dos anos e o protagonismo que ela desempenha dentro do partido. Na ocasião, ele anunciou que a JPTB está mapeando os municípios brasileiros a fim de construir candidaturas robustas e competitivas dos jovens petebistas para disputar as eleições municipais de 2020.

“Temos muito o que comemorar, mas muito mais a construir, para que o partido siga sendo a vanguarda da política brasileira, enxergando antes os desafios que se apresentam, protegendo os mais pobres sem cair no discurso fácil do populismo e da demagogia, proporcionando um futuro de mais igualdade social e distribuição de renda. Este é o papel reservado na história para o PTB. Este será sempre o motivo da existência e a inspiração da Juventude do PTB”, concluiu.

Discursos

A solenidade contou com a presença de lideranças do partido, parlamentares, dirigentes e convidados. O deputado Pedro Augusto Bezerra (PTB-CE) mencionou que o partido surgiu para defender a democracia e as mudanças sociais que transformavam o Brasil.

“Sempre guiado pelo interesse dos trabalhadores e buscando a melhor realidade brasileira. Defendeu sempre a democracia e o povo, empenhando-se em todas as pautas importantes para a sociedade, como a saúde, educação, infraestrutura e tudo que pudesse melhorar a vida das pessoas”, frisou.

O deputado Maurício Dziedricki (PTB-RS) citou que a Reforma da Previdência é uma preocupação. “Nós temos nos dedicado cotidianamente para tratar desse tema, sem ferir a necessidade de uma reforma, mas pensando numa reforma justa e que proteja sobretudo aqueles que mais precisam de políticas para o Brasil”, destacou.

O líder do PTB e autor do pedido para a realização da sessão solene, deputado Pedro Lucas Fernandes (MA), encerrou homenageando todos que estavam presentes e fazem parte da história do partido. “Não existe na história desse país um partido que criou tantas leis e que tem um legado em favor do trabalhador brasileiro. Tenho certeza que esta bancada está sintonizada com a história do PTB. Sigamos em frente”, finalizou.

Comunicação FIV

Equipe de Comunicação da Fundação Ivete Vargas

Publicações Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Porn xnxx porno brasil Porno Italiano porno
897877
Fundação Ivete Vargas