Curso:
maio 5, 2021
Artigos

Criatividade: Conceito e reflexão

Diferentes áreas têm promovido estudos acerca da criatividade devido a sua importância para o desenvolvimento pessoal, profissional e social do ser humano. Pensando nisso, as autoras Glessiane de Oliveira Almeida e Glaucia Regina de Oliveira Almeida elaboraram um artigo com o objetivo de revisar os conceitos a respeito do tema. A metodologia utilizada é a da pesquisa teórica realizada a partir de busca em base de dados na Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) e na Scientific Electronic Library Online (Scielo).

A análise do termo criatividade tem enfatizado quatro aspectos: a pessoa, o processo, o produto e o ambiente criativo, sempre observando que a interação entre esses fatores pode proporcionar a realização pessoal, profissional e social do indivíduo. Segundo as autoras, a palavra criatividade origina-se do latim creare, que significa criar. “A criatividade tem sido foco de diversas pesquisas, por ser reconhecida importante para o desenvolvimento humano. Por muitos anos foi tida como algo inexplicável, constituído pela estética romântica da época, associado à loucura, imaginação, fantasia e originalidade”, explicam as pesquisadoras em um trecho do texto.

Ainda de acordo com Glessiane de Oliveira e Glaucia Almeida, o pensamento criativo tem sido considerado um diferencial, apesar de pesquisadores que estudam o tema acreditarem que o potencial para a criatividade está em todos os indivíduos, desde que não seja inibida ou bloqueada. “Programas de treinamento criativo têm sido aplicados em diversos países com o objetivo de desenvolver aptidões, a partir da estimulação de atitudes criativas. Esses programas entendem que a criatividade resulta em um conjunto de aptidões aprendidas ou desenvolvidas, através da díade ensino-prática, de estratégias orientadas ao pensamento criativo. Por esse motivo, é necessário conhecer as características de personalidade e desde cedo estimulá-las para facilitar o desenvolvimento”, salientam.

O texto foi publicado na Anais de 2015 do 8º Encontro Internacional de Formação de Professores (ENFOPE) e do 9º Fórum Permanente de Inovação Educacional (FOPIE), evento realizado pelo Grupo Tiradentes. Glessiane de Oliveira Almeida é graduada em Psicologia, cursa Mestrado em Ciência da Propriedade Intelectual e Especialização em Educação Ambiental com Ênfase em Espaços de Educadores Sustentáveis, ambas pela Universidade Federal de Sergipe (UFS). Glaucia Regina de Oliveira Almeida é graduada em Engenharia de Produção pela Faculdade de Administração e Negócios de Sergipe (Fanese). É mestre em Engenharia de Processos pela Universidade Tiradentes (Unit) e cursa doutorado em Engenharia de Processos.

Clique aqui para conferir na íntegra o texto.

Publicações Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fundação Ivete Vargas