Curso:
setembro 26, 2022
Trabalhos Acadêmicos

Redesenhando o Mapa Eleitoral do Brasil

Cada vez mais a reforma política vem se tornando presente na pauta de debates sobre os grandes desafios nacionais. Nesse artigo acadêmico, os autores Octavio Amorim Neto, da Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas da Fundação Getúlio Vargas (FGV-RJ), Bruno Freitas Cortez, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e Samuel de Abreu Pessoa, do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV-RJ) apresentam proposta de reforma do sistema eleitoral, especificamente no que diz respeito à composição da Câmara dos Deputados.

Para os autores, a proposta mantém o sistema político equilibrado, mas tem a intenção de redesenhar parte do mapa eleitoral do país, mudando também a regra de distribuição das cadeiras no interior das coligações eleitorais. A proposta parte da hipótese de que o sistema elitoral é uma estrutura complexa e frágil e, por isso, é preciso cautela, já que existe a possibilidade de piorá-lo com mudanças súbitas em vez de torná-lo melhor. Além disso, os especialistas apresentam ainda resultados de um exercício de simulação, feito a partir de dados das eleições de 2006, que revisa o número de cadeiras por partido na Câmara dos Deputados utilizando as novas regras propostas.

Para baixar o artigo completo clique aqui

Publicações Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Porn xnxx porno brasil Porno Italiano porno
Fundação Ivete Vargas